MS Rregião - DOMINGO, 25 DE FEVEREIRO DE 2018 | Email: msregiao@outlook.com
17 de JANEIRO de 2018 | Fonte: Redação

Naviraí: Em 10 anos, frota de veículos aumenta quase 140%

As vendas de veículos novos subiram 9,23% no país em 2017, com a comercialização de 2.239.403 automóveis, comerciais leves (como picapes e furgões), caminhões e ônibus, acima do total de 2.050.240 unidades vendidas em 2016.

Os números são do balanço divulgado  este início de ano  pela Federação Nacional da Distribuição dos Veículos Automotores (Fenabrave).

Somente em Naviraí, na  última década, de 2007 para cá, o número de veículos cresceu  aproximadamente  140%.

Para se ter uma idéia do aumento registrado pelos órgão competentes de trânsito, em 2007 Naviraí possuía cerca de 12.886 veículos, sendo motos,motonetas, carros de passeio, utilitários e tantos outros.

Em levantamento feito à partir de dados do IBGE, Denatran e Fenabrave, a reportagem constatou estatísticas surpreendentes, em relação ao período acima mencionado. Últimos números apontam que a cidade possui hoje 30.511 veículos, no geral, entre carros, caminhonetas, motos , tratores ,ônibus e similares.

Motocicletas em Naviraí, segundo registro, existem oficialmente 7.403 e motonetas, 3.420, o que corresponde  a  média de 33% do total de veículos circulando pela cidade.

Frota cresce e acidentes também

O primeiro lugar do ranking fica para Campo Grande que tem um total de 551.373 veículos (37,15%), em segundo está Dourados com 144.304 (9,72%), em terceiro Três Lagoas com 81.624 (5,50%), em quarto Ponta Porã com 40.369 (2,72%) e em quinto Corumbá com 37.979 (2,56%), em sexto Nova Andradina (2,13%) e Naviraí aparece na sétima posição, com 2,02%.

Problemas com a frota

O aumento da frota implica em problemas com acidentes na área urbana do município, que segundo últimos dados, tem registrado uma média de 3 acidentes de trânsito por dia, sendo que nos finais de semana o índice praticamente dobra, principalmente início do mês, período em que muitos recebem pagamentos e ingerem bebidas alcoólicas. Na maioria dos casos, motos são protagonistas ou vítimas dos acidentes.

Excesso de velocidade, falta de respeito às regras de trânsito , o número cada vez maior de condutores despreparados e a mistura de direção mais a bebida são ainda as principais causas de acidentes



GALERIA DE FOTO Show Anitta Campo Grande
Untitled Document